Psicologia clínica: uma ferramenta científica a serviço da sociedade

Psicologia clínica: uma ferramenta a serviço da sociedade

Muitas são as dúvidas em relação à psicologia e às diversas áreas que ela atua. Hoje vamos falar sobre a psicologia clínica como ferramenta científica que está serviço da sociedade. Essa área, talvez mais conhecida e associada à prática, é dedicada ao estudo dos distúrbios mentais, seus sintomas, causas, tratamentos e intervenções psíquicas.

O que a psicologia clínica propõe é ir além de uma mudança mecanizada de comportamento e promover mudanças com objetivo de melhora na qualidade de vida das pessoas. Isso mesmo! É tornar o indivíduo capaz de ver os comportamentos, experiências e problemas de sua própria vida com outro olhar, além de ampliar as formas de resolução, e apropriar-se de suas próprias dificuldades, responsabilizando-se e tomando consciência de seus atos. Dessa forma é possível perceber melhorias nas ações de um indivíduo.

A psicologia clínica se caracteriza pela qualidade da escuta e da acolhida que se oferece ao sujeito. E o avanço da tecnologia possibilitou o surgimento de diversas plataformas de atendimento psicológico on-line, extemamente necessário diante da crise de pandemia que estamos vivendo. Esse serviço foi valorizado nos últimos meses, e hoje existem dezenas de psicólogos cadastrados e credenciados no Conselho Federal de Psiologia (CFP) para fazer esse tipo de atendimento.

No atendimento psicológico clínico, o sujeito é visto como um ser individual, de demandas únicas, e a clínica deve oferecer acolhimento para suas questões particulares. Portanto o trabalho sempre é individualizado e planejado, em cima das demandas particulares de cada paciente através na psicoterapia.

Mas, afinal, então o que é psicoterapia?

A psicoterapia clínica é caracterizada por um dos atendimentos oferecidos na clínica psicológica. Crianças, adolescentes, adultos, idosos, casais e famílias, todos podem se beneficiar desse atendimento.

É possível caracterizar três formas gerais de psicoterapia: a individual, a coletiva (ou de grupos) e a institucional (realizada em casas de saúde, ou outras instituições sociais, empresas, etc.),  e cada profissional utiliza uma abordagem teórica para fundamentar seus atendimentos com técnicas específicas e validadas cientificamente para basear suas intervenções e obter os resultados esperados.

Vale ainda ressaltar que a psicologia está presente em vários campos de trabalho, e não somente na psicologia clínica. Há diferentes abordagens em distintos segmentos da sociedade, como na saúde pública e assistência social, nos centros de reabilitação, nas ILPIs (Instituições de Longa Permanência), nos sistemas judiciário e prisional, na esfera educacional, entre outros., cada qual com enfoques e intervenções adequadas.

Publicado por marianemenegatti

Psicóloga graduada desde 2010 pela Universidade São Francisco – USF. Pós Graduada em Gerontologia Social pela Anhanguera Educacional e Pós Graduanda em MBA em Inovação e Empreendedorismo. Ampla experiência na área Social, atuando como técnica em Entidades Assisenciais desde 2010. Psicóloga Clínica com abordagem Cognitivo Comportamental. Palestrante. Sócio-fundadora da Freestory, plataforma de histórias autorais em áudio, voltada para o público PCD, e CEO da Você Bem Online, HUB de saúde e bem estar.

5 comentários em “Psicologia clínica: uma ferramenta científica a serviço da sociedade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: